Baixar Futre – REGULA

Futre - REGULA

Informações

Artista / Banda: REGULA
Nome da Música: Futre
Gênero Músical: Rap / Hip Hop
Ano de Lançamento: 2021
Tamanho do Arquivo: 5 MB
Formato do Arquivo: Mp3
Qualidade: 320 kbps
País de Origem: Brasil
Idioma: Português

Download

Letra da Música

[Letra de “Futre”]

[Intro]
Yo, yo
Aumenta mais um bocado a minha voz
Hey, yo, yo
Woo, yo, Biggie
Santinho ‘tá na casa
Don-Don-Don-Don Gula
S-s-s-santinho
Yo, pai
Diz?
Dá-lhe bem pai
Yeah, Catujal stand up

[Verse 1]
Uh, uh, uh (Yes)
Uh, yeah, let’s go
Uh, ok
Começo por dizer que sou quase dono do Freeport
Uma casa grande p’ra mim não chega, eu quero um resort
Tu ris forte da minha desgraça mas eu não me importo
Clássico atrás de clássico e ainda nenhum cd flop (Não)
Labels querem todas uma fatia mim, só que
Ninguém ‘tava comigo quando eu só comia bitoques
Wi, podes ‘tar só no teu top 5 do hip-hop
E assim toco no G-spot delas todas e pinote (Tchau)
Listen when OG’s talk, pensa nos teus filhotes
Eu até podia ter dеz Rolex’s, mas tenho um G-Shock
Não tinha cumbú p’a comprar uns ténis da Reebok (You know)
E agora não tenho еspaço p’a guardar tanto restock
Conforto é quando um homem respira sem pontadas
No meu corpo, uma ou duas miras apontadas
Seja como for, a minha ‘tá sempre numa montada
Porque eu nunca, brada, nunca tive nada de mão dada
[Pré-Refrão]
Por isso eu faço-me ao Vidal até à calvíce (Faço)
E eu não quero ouvir ninguém a falar algo disso (Não paro)
Mais um despiste e vocês vão ter um final triste (Skr)
Embora não sejam de lá, deixaram o bairro mal visto

[Refrão]
Por isso é que eu não tenho sócios na firma
Nem com o look do Paulo Futre eu fiz negócios da China
(Whu, whu)
Por isso é que eu não tenho sócios na firma
Nem com o look do Paulo Futre eu fiz negócios da China
(Whu, whu)

[Verso 2]
Eles querem saber da vida do primo (Querem)
P’a todos os efeitos, eu nunca fiz vida do crime
O meu único manifesto é fazer money fast
Não sou o melhor exemplo p’a quem quer uma vida sublime
Nah (Nah)
É preciso ser muita cara de pau
Uma cambada de otários a fazerem cara de mau
Sei de uns quantos manos agarrados a muitas penhoras
Por tentarem fazer das putas, senhoras
Comigo elas sabem que é chuva dourada
Quando a torneira do leite fecha-se
E se por acaso algum dia eu chegar atrasado, late fashion
E eu não ‘tou rodeado de hienas e feras, mas nunca atrapalhado
Uma vida boa são 11 meses de férias e um a trabalhar
Não ‘tou aqui p’a ‘tar a dar abraços, confirme
Quando vocês tinham linhas eu já tinha traços contínuos
Mas para, lâminas na minha cara, não preciso, deixa (Nah)
Porque esta cara não precisa de um sorriso extra (Hey)
[Pré-Refrão]
Mas ya eu faço-me ao Vidal até à calvíce (Faço)
E eu não quero ouvir ninguém a falar algo disso (Não paro)
Mais um despiste e vocês vão ter um final triste (Skr)
Embora não sejam de lá, deixaram o bairro mal visto

[Refrão]
Por isso é que eu não tenho sócios na firma
Nem com o look do Paulo Futre eu fiz negócios da China
(Whu, whu)
Por isso é que eu não tenho sócios na firma
Nem com o look do Paulo Futre eu fiz negócios da China
(Whu, whu)

[Outro]
Uh
(Whu, whu)
(Whu, whu)
(Whu, whu)
(Whu, whu)

VideoClipe

Baixar Também